Seleção e características produtivas de borregas corriedale notipicamente resistentes a nematoides gastrointestinais

  • F. Amarilho-Silveira Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, RS
  • J. F. Motta Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, RS
  • N. J. L. Dionello Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, RS
Palavras-chave: índices produtivos, lã, OPG, ovino.

Resumo

A busca por ovinos resistentes à ação dos nematoides é uma tendência dentro dos sistemas produtivos, porém deve-se levar em consideração a produtividade, pois de nada vale a seleção de animais resistentes à ação parasitária, se não atingirem os parâmetros produtivos que o mercado exige. Assim, o trabalho foi desenvolvido com o objetivo de quantificar as características produtivas, relacionando-as à resistência fenotípica a nematoides gastrointestinais. O experimento foi conduzido no município de Herval, RS, de janeiro a agosto do ano de 2014. Foram utilizadas 30 borregas da raça Corriedale, monitoradas mensalmente do desmame (cinco meses) até aos 12 meses de idade, e realizadas as avaliações produtivas. Após término das avaliações foram formados três grupos, a saber: com resistência precoce (RP), com resistência tardia (RT) e não resistentes (RN). Não foi encontrada diferença significativa para nenhuma das características produtivas. Assim, pode-se sugerir que a seleção de animais com traços de resistência não causaria prejuízo à produtividade média do rebanho, pois as medidas corporais não apontaram nenhum índice que ateste improdutividade, e 70% das borregas apresentaram a característica que ostenta maior importância monetária à lã. Neste sentido, animais de diferentes fenótipos para resistência a nematoides gastrointestinais são igualmente produtivos.
Publicado
01-11-2017
Como Citar
Amarilho-Silveira, F., Motta, J., & Dionello, N. (2017). Seleção e características produtivas de borregas corriedale notipicamente resistentes a nematoides gastrointestinais. Boletim De Indústria Animal, 74(3), 246-254. https://doi.org/10.17523/bia.v74n3p246
Seção
MELHORAMENTO ANIMAL